Início » Aulas » Derivada da função arctan(x) e arcctg(x)

Derivada da função arctan(x) e arcctg(x)

Derivada de funções trigonométricas inversas (arctangente e arcco-tangente)

Depois de termos visto as derivadas da funções inversas arcseno e arccosseno agora vamos ver as derivadas da funções inversas tangente e co-tangente vamos ver e demonstrar a formula da derivada de y=arctah(x) e y=arcctg(x) e depois iremos resolver os seguintes exercícios para adquirimos conhecimentos práticos de derivada de funções trigonométricas inversas;

Derivada da função inversa de tangente (Derivada de função arctangente)

y=acrtan(x)

Derivada da função

y=arctan(x)

Demonstração

Para calcular a Derivada da função y= acrtan(x) vamos colocar a função em função de y conforme sabemos se y= acrtan(x) então x=tan(y).

x=tan(y)

Tendo a função nessa forma já podemos derivar uma vez que conhecemos a derivada da função trigonométrica tangente tan(y) e a derivada de x, então derivaremos ambos membros;

x’=(tan(y))’

Vamos isolar a derivada da função y (isolar y’) passando o cos²(y) para multiplicar no outro membro

y’=x’cos² y

Vamos recorrer a identidade trigonométrica fundamental para calcular o valor de cos²(y) em relação a x.

sin²y+cos²y=1

Dividindo ambos membros por cos²y temos ;

Vamos isolar o cos²y ao quadrado

No segundo passo dessa demonstração dissemos que x=tan(y) então onde tem tan(y) iremos substituir por x pois tan(y)=x

Então na expressão da derivada da função inversa (y’=x’cos² y) onde tem cos²(y) iremos substituir por essa expressão e assim temos a derivada da função arctanx

Derivada da função inversa de co-tangente (Derivada de função arcco-tangente)

y=acrctg(x)

Tal como fizemos para calcular a derivada da função arctg(x) vamos colocar a função em função de y conforme sabemos se y= acrctg(x) então x=ctg(y).

x=ctg(y)

Vamos derivar ambos membros;

x’=(tan(y))’

Vamos isolar y’passando o sen²(y) para multiplicar no outro membro;

y’=-x’sen²y

recorrendo a identidade trigonométrica fundamental para calcular o valor de sen²(y) em relação a x.

cos²y+ sin²y=1

Dividiremos os dois ambos membros por sen²y fazendo isso temos ;

Vamos achar a expressão de sen²y para substituímos na expressão da derivada da função inversa

Como x= ctg(y) então onde tem ctg(y)iremos substituir por x pois ctg(y)=x

Então na expressão da Derivada da função inversa (y’=-x’sen² y) onde tem sen²(y) iremos substituir por essa expressão e assim temos a derivada da função arcctg(x)

Formula de derivada de funções trigonométricas inversas arctanx e arcctgx

De acordo com as demonstrações acima de derivada de funções trigonométricas inversas temos;

Derivada de arctan(x) e arcctg(x)

Exercício práticos derivadas de funções inversas arctangente e arcco-tangente

a)Calcule a derivada da função y=arctan(5x)

Estamos diante de uma função inversa então para derivar vamos usar a forma da derivada da função inversa arctangente.y=arctan(u), y’=u’/(1+u²) aplicando a forma temos;

b)Calcule a derivada da função y=arcctg(-2x)

Vamos usar a forma da derivada da função arcctg(u) sabemos que se y=arcctg(u) a sua derivada é  y’=-u’/(1+u²) aplicando a forma ;

c)Determine a derivada da função y=arcctg(x²+1)

e)Encontre a derivada da função y=(x+2) arctan(x)

Estamos diante de um produto de função então para derivar vamos usar a formula da derivada do produto “regra do produto

Vamos derivar de forma imediata aplicando a formula da derivada de arcctg(u);

g)Ache a derivada da função y=arctan[ln(x)]

Vamos aplicar a forma da derivada da função arctan(u) ” y’=u’/(1+u²) “tendo em conta que para este exercício o nosso u e ln(x) então precisaremos de conhecer a derivada da função ln(x);

Derivada da função arctan(x) e arcctg(x) exercícios para praticar

Calcule a derivas das funções trigonométricas inversas abaixo;


Seria muito bom você aprender

Aplicação da primeira e segunda derivada extremos e ponto de infecção

Estudo da primeira derivada Seja uma função f(x) continua Assim temos representado os gráficos de uma função f (x) e sua derivada f ’(x) Notamos claramente que;   ]- ∞, b[ b ]b, d[ d ]d,+ ∞[ f (x…

Calculo aproximado usando derivada

Definição derivada Para percebemos como usar as derivadas para fazer o cálculo aproximado vamos usar o conceito de derivada usando limites; Podemos tirar limite apenas tendo em conta que Δx se aproxim…

Resolução de (Teste I) de Calculo I UNIFEI

1) Calcule caso exista. Se não existir explique o por quê:Primeiro vamos Substituir onde vem x pela tendência que é 1 Temos uma indeterminação do tipo zero sobre zero 0/0 para resolver este limite (pa…

Derivada de uma função exponencial

Para acharmos a derivada de uma função exponencial vamos o usar a definição de derivada usando limites A derivada de uma função y=a˟ é o própria função y’=a˟ •lna caso não tenha in…

Derivada de uma função usando definição

Definição de derivadas Chamamos de derivada da função f(x) no ponto qualquer a inclinação da recta tangente ao gráfico da função f(x) nesse ponto, e representamos por f'(x). O que é uma rect…

Derivada de uma função

Depois de termos aprendendo o conceito de derivada agora é a hora de aprendemos a calcular derivada de funções. Primeiramente aprenderemos como calcular deriva de uma função to tip…

Derivada de funções implícitas

Antes de aprendermos a derivar uma função implícita é necessário saber o que é uma função implícita! Definição de função implícita Uma função implícita é uma função do tipo F(x,y)=…

Derivada de funções paramétricas

Derivada de funções paramétricas Seja  y=f(t) e x=g(t) nesse caso podemos afirmar que x e y estão dadas na forma paramétrica. Como achar a derivada de uma função dada na forma paramétri…

Cálculo de limite usando L’Hospital (Cálculo de limite usando derivadas)

Regra L’Hospital para o calculo de limite A regra de L’Hospital consiste em utilizar o conhecimento de derivadas para o cálculo de limites. A regra de L’Hospital vem facilitar o cálculo de limites, a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *